"o pior analfabeto é o analfabeto político..." Bertold Brecht

.quem sou

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.recentemente

. Dia do Pai...

. O analfabeto político

. Um cravo de Fraternidade

. Abril, mês dos cravos e d...

. Com irregularidades, mas ...

. Poema...

. Digam lá se isto não é de...

. O que nasce torto…

. Erro de autarca põe idoso...

. Homens e mulheres unidos ...

.as escolhas

. todas as tags

.outras andanças

.fotomemória

.companheiros

. Migração

.Ofeliazinha

Ofeliazinha

.Fraternidade

Fraternidade
Estou no Blog.com.pt

.Quantos já passaram

Segunda-feira, 9 de Maio de 2005

Altura de festa e de luta!

31 anos depois de Abril, 30 anos depois da realização das primeiras eleições livres em Portugal, 31 anos depois das primeiras comemorações livres do 1º de Maio, não só persistem os atentados aos direitos dos trabalhadores, como em muitos casos, agravam-se as ofensivas.
O Governo de Sócrates continua sem dizer aos portugueses o que pretende fazer em relação ao Código do Trabalho; rejeitou a proposta do PCP de aumento intercalar do salário mínimo nacional e continua com o discurso da contenção, mas apenas para alguns…
A nível regional, apesar das estatísticas oficiais que, por um lado indicam descidas nas taxas de desemprego e por outro alguma estabilidade económica – uma vez que segundo as últimas estatísticas já não somos a região mais pobre do país. A verdade é que os trabalhadores açorianos não têm mais dinheiro, e muitos são os desempregos – até por vias das novas exigências quanto às inscrições nas Agências para a Qualificação e Emprego – ou os trabalhadores em situação precária.
A par disto, prossegue na Base das Lajes a política de substituição de trabalhadores portugueses por trabalhadores americanos, os aumentos salariais abaixo do previsto no Acordo e as situações de precaridade laboral, tudo isto perante a inércia das autoridades regionais e nacionais.
Continuam por iniciar as negociações salariais para os trabalhadores das IPSS’s, que não se esqueceram, nem se podem esquecer da promessa feita por Carlos César durante a campanha de que, enquanto fosse presidente do Governo, os aumentos seriam superiores aos da Função Pública.
As entidades patronais, iniciam a aplicação do Código do Trabalho, mas apenas no que lhes é favorável, adiando sucessivamente a aplicação dos poucos pontos que de alguma forma favorecem os trabalhadores, como é o caso da majoração do período de férias.
Persistem processos de despedimentos e de pressão sobre trabalhadores em diversos ramos de actividade, sendo esta exercida com tal veemência que muitos recusam-se a recorrer ao apoio dos sindicatos e a denunciar publicamente as irregularidades.
Perante a quase total inoperância da Inspecção Regional de Trabalho e o clima de terror implementado durante anos, muitos são os trabalhadores que continuam com medo de denunciar publicamente violações dos seus direitos, nomeadamente no sector da construção civil, onde persistem patrões que às custas dos trabalhadores, lá vão enchendo os bolsos, concretamente através do dinheiro que deveriam entregar na Segurança Social referente aos descontos de quem trabalha.
Como se tudo isto não bastasse, e de acordo com um estudo recentemente elaborado pelo economista Eugénio Rosa, as discrepâncias salariais entre homens e mulheres agravam-se, sendo a diferença maior quanto mais elevado é o nível de escolaridade.
Esta é sem dúvida uma época de comemoração, mas também deve ser uma altura de luta.
De luta por mais e melhores salários!
De luta por mais e melhores condições de vida!
De luta pelos direitos adquiridos!
De luta por uma sociedade onde o fosso entre ricos e pobres não aumente a cada dia que passa!
Esta deve ser uma altura de luta pela construção de uma sociedade mais justa, mais fraterna e mais igual!


analfabetado por ilheu às 19:00

para onde devo ir | ajuizar | juntar...
|

.memórias

. Março 2009

. Junho 2007

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.Ofeliazinha

Ofeliazinha

.fotomemória

.Quantos já passaram

.subscrever feeds