"o pior analfabeto é o analfabeto político..." Bertold Brecht

.quem sou

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.recentemente

. Dia do Pai...

. O analfabeto político

. Um cravo de Fraternidade

. Abril, mês dos cravos e d...

. Com irregularidades, mas ...

. Poema...

. Digam lá se isto não é de...

. O que nasce torto…

. Erro de autarca põe idoso...

. Homens e mulheres unidos ...

.as escolhas

. todas as tags

.outras andanças

.fotomemória

.companheiros

. Migração

.Ofeliazinha

Ofeliazinha

.Fraternidade

Fraternidade
Estou no Blog.com.pt

.Quantos já passaram

Quinta-feira, 24 de Março de 2005

...

carlos.gif
Este é o Carlos... tem três anitos e é um terror...

analfabetado por ilheu às 14:27

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (4) | juntar...

Quarta-feira, 23 de Março de 2005

...

cravo.gif Ao camarada e amigo

António,

Este é o cravo que gostaria que recebesses hoje, amanhã e por muitos dias…
Um cravo vermelho como o que apadrinhou o início da nossa amizade e camaradagem…
Um cravo vermelho como o que te ofereci quando te disse que tinha tomado uma decisão: Queria ser militante do PCP!
Um cravo vermelho, em nome das gargalhadas, das discussões, dos risos, do cansaço, do trabalho… dos bons e maus momentos…
Um cravo vermelho por saber que apesar da distância que nos separa, sempre tive em ti um amigo que se alegrava com as minhas alegrias e entristecia com as minhas tristezas…!
Um cravo vermelho por saber que mesmo que não falássemos regularmente, havia sempre espaço nos nossos corações para amizade, simples, bela e desinteressada…
Este, não é um cravo com esperança como o que te ofereci há anos no hospital… é um cravo acompanhado por uma lágrima de quem se lembrará sempre do amigo e camarada que foste…
Tu sabes o que significa…
“Até amanhã, camarada!”

analfabetado por ilheu às 13:53

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (2) | juntar...

Segunda-feira, 21 de Março de 2005

...

bia.gifEsta é outra das minhas "Pestinhas"... a Beatriz...

analfabetado por ilheu às 09:10

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (9) | juntar...

Sexta-feira, 18 de Março de 2005

A minha Catarina

catarina1.gif
Esta é a minha Catarina... uma lutadora que nasceu três meses antes do tempo com 856 gramas...
Espero que saiba fazer juz ao nome que recebeu!

analfabetado por ilheu às 15:10

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (11) | juntar...

A todas as Catarinas

Trazias o ventre carregado com um filho...
No colo outro ainda bébé...
No olhar a esperança em dias melhores!
Na mente a vontade de mover montanhas!
Na mão a foice, símbolo do trabalho!
No coração a vontade de lutar!
Nos lábios rubros como cravos,
trazias os anseios de muitas como tu:
"Pão, paz e trabalho!"...

Pagaste com a vida a ousadia de lutar
de acreditar que era possível outro mundo...

Chamavas-te Catarina
no Alentejo nascida,
em Baleizão massacrada!

Continuas e continuarás a ser um símbolo de luta!

analfabetado por ilheu às 14:04

para onde devo ir | ajuizar | juntar...

Quarta-feira, 16 de Março de 2005

Ai as sondagens...

Não é nada que já não saibamos todos, mas há coisa de dois dias, em conversa com um camarada, ele disse ter recebido um telefonema de uma empresa de sondagens (ou estudos de opinião, como alguns gostam de chamar), em que lhe perguntavam em qual dos partidos votaria PS, ou PSD?
Ele não respondeu, tendo dito à menina que lhe colocou a questão existirem mais partidos e que não votava em nenhum destes...
Há já algum tempo ocorreu uma situação semelhante, com outra pessoa, noutra ilha...
Enfim, e assim se manipula a opinião pública, induzindo depois o voto...

analfabetado por ilheu às 14:13

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (10) | juntar...

Segunda-feira, 14 de Março de 2005

Sexualidade consciente… uma questão de cidadania!

De acordo com uma notícia recentemente publicada num órgão de comunicação social, o número de gravidezes em jovens e adolescentes açorianas continua a aumentar, o que não é propriamente uma novidade até se tivermos em conta que este é um problema que se arrasta há largos anos, sem merecer por parte dos sucessivos governos medidas de intervenção específicas.
Poucos dias depois de ter sido publicado um estudo a nível nacional que refere ser cada vez maior o número de jovens a recorrer à pílula do dia seguinte e que a maioria dos jovens têm relações sem qualquer tipo de protecção, temos mais esta notícia, que não surpreende, mas que merecem algumas reflexões.
Todos sabemos os riscos de relacionamentos sexuais sem protecção, não só pelo risco das gravidezes indesejadas e que alteram radicalmente a vida dos jovens, mas também pelos riscos de contrair doenças sexualmente transmissíveis.
Se é verdade que a maioria dos nossos jovens têm informação na área dos direitos sexuais e reprodutivos, não é menos verdade que lhes falta formação e que os preconceitos sociais em relação à sexualidade levam a que muitos jovens tenham “vergonha” de recorrer à farmácia, ao centro de saúde, ou ao médico de família para receberem aconselhamento e acederem aos métodos contraceptivos.
O facto de se continuar a encarar a sexualidade como um “tabu”, leva a que os jovens e adolescentes, ao iniciarem uma vida sexualmente activa, tenham receio de falar abertamente sobre o assunto, quer com os profissionais de saúde, quer com os pais.
Por outro lado, a carência de médicos de família leva a que os poucos que existem, tenham listas de utentes sobrecarregadas, não permitindo o atendimento personalizado que seria desejável, e fazendo com que a maioria dos nossos adolescentes, ao entrarem na puberdade, não recebam por parte do seu médico a informação necessária quer quanto às transformações físicas que o corpo sofre, quer quanto à forma de actuação.
Na última legislatura, o grupo parlamentar do PCP entregou na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores um requerimento sobre direitos sexuais e reprodutivos, no qual se interrogava o executivo açoriano sobre as medidas específicas e acções previstas para esta área, número de escolas onde existe educação sexual, número de centros de saúde onde existem consultas de planeamento familiar e distribuição gratuita de métodos contraceptivos.
A resposta dada pela então secretária adjunta da Presidência, Cláudia Cardoso, deixa qualquer um de boca aberta, sem saber se há-de rir pelo ridículo de muito se escrever sem nada dizer, ou chorar, por constatar que, apesar deste ser um problema de todos nós com graves repercussões sociais e económicas ainda nada se fez para inverter esta curva que nos deve envergonhar a todos por ser representativa do atraso civilizacional em que ainda vivemos.
A velha ideia de que falar de sexualidade fará com que os jovens iniciem uma vida sexual activa mais cedo, é não só descabida como totalmente incorrecta, dado que falar de sexualidade e educação sexual, não é apenas falar do acto sexual, mas igualmente dos afectos. A educação sexual não se resume nem se pode resumir ao mero funcionamento biológico do aparelho sexual, e deve não só dar informação, mas também formar os nossos jovens de forma a que, quando decidirem iniciar uma vida sexual activa o façam de forma consciente e segura, não correndo riscos que podem alterar completamente as suas vidas.
A apatia perante todos estes dados por parte dos responsáveis governamentais, exige que toda a população açoriana pressione o executivo a desencadear medidas sérias e efectivas.
Num ano em que se comemoram trinta anos das primeiras comemorações livres do Dia Internacional da Mulher, num ano em que se celebra o trigésimo aniversário da realização de eleições livres em Portugal, num ano em que o Ministro da República para os Açores promove o Congresso da Cidadania, era bom que se abordasse estas questões de forma despreconceituosa, aberta e clara, e que do debate surgissem medidas específicas de acção que fossem colocadas em prática desde logo.
A sexualidade consciente, informada e formada é uma questão de cidadania, pois corremos o sério e grave risco de daqui a uns anos, termos não só números ainda mais elevados de gravidezes precoces, mas termos igualmente taxas de infecção pelo HIV muito superiores às actuais.

analfabetado por ilheu às 13:12

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (3) | juntar...

Sexta-feira, 11 de Março de 2005

...

Enquanto isto... os pobres estão cada vez mais pobres e os ricos cada vez mais ricos...

analfabetado por ilheu às 11:26

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (5) | juntar...

Belmiro de Azevedo sobe na lista dos homens mais ricos do mundo



O empresário Belmiro de Azevedo é o único português na lista dos homens mais ricos do mundo, liderada por Bill Gates pelo 11º ano consecutivo. Em 2004 o líder da Sonae subiu para a 387º lugar do ranking da Forbes, com uma fortuna de 1,7 mil milhões.



Belmiro de Azevedo subiu 85 lugares na lista dos homens mais ricos do mundo, ocupando agora o 387º lugar, contra o anterior 472º, datado do ano passado.
O presidente da Sonae, segundo a Forbes, terminou 2004 com uma fortuna calculada em 1,7 mil milhões de euros, mais 500 milhões de euros que os 1,2 mil milhões de euros de 2003.

Belmiro de Azevedo é o principal accionista da Sonae SGPS, com uma capitalização bolsista de 2,34 mil milhões de euros.

No ano passado, Portugal tinha dois nomes do ranking da Forbes, com António Champalimaud (que morreu em Maio de 2004) na 153ª posição, com uma fortuna 2,5 mil milhões de dólares.

11-03-2005 12:18:24


analfabetado por ilheu às 11:21

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (1) | juntar...

Quinta-feira, 10 de Março de 2005

E é uma associação democrática... fará se não fosse!

Portugal02.jpg

analfabetado por ilheu às 15:19

para onde devo ir | ajuizar | ver outros juizos (1) | juntar...

.memórias

. Março 2009

. Junho 2007

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.Ofeliazinha

Ofeliazinha

.fotomemória

.Quantos já passaram

.subscrever feeds